sexta-feira, 19 de outubro de 2012

COZINHA DA VOVÓ : SUGESTÃO DA SEMANA

Talharim com Ragu de Costela, Cenoura e Alho Poró


Para 04 pessoas
400 gramas de talharim massa caseira.
02 xícaras de chá de costela desfiada
01 cenoura pequena
01 talo de alho poró pequeno
½ cebola
01 tomate vermelho
100 ml de água
03 colheres de sopa de molho de tomate caseiro
01 folha de louro
Noz moscada ralada a gosto
Azeite extra virgem
01 dente de alho espremido
01 colher de chá de manjericão seco
Queijo parmesão ralado a gosto
Pimenta biquinho para decorar

Modo de fazer: Cozinhe e desfie a costela como de costume.
Cozinhe a massa conforme instruções do fabricante em água salgada. 
Após cozido, escorra e reserve. Reserve 100 ml da água do cozimento.
Bata no liquidificador a cenoura, alho poró, cebola,tomate e a água. 
Vai ficar um liquido grosso não homogêneo, reserve.
Em uma panela coloque 01 colher de sopa de azeite e o alho, assim que o alho começar a fritar, refogue a costela (já cozida e desfiada) por 01 minuto mexendo sempre, despeje o liquido batido no liquidificador, acrescente o molho de tomate, misture, coloque um pouco da água do cozimento do macarrão, a folha de louro e a noz moscada ralada, misture, abaixe o fogo e deixe apurar, acerte o sal se necessário ( o meu não precisou). Assim que engrossar desligue (+/- 08 minutos em fogo baixo).
Na panela que cozinhou o macarrão coloque 04 colheres de sopa de azeite, deixe esquentar, coloque o macarrão e envolva no azeite, coloque um pouco do liquido do cozimento do macarrão, salpique o manjericão fresco.
Sirva com o ragu de costela por cima, pimenta biquinho e queijo parmesão ralado na hora.

Dica: Antes de passar o macarrão no azeite quente, passe por água fria, para que desgrude.
Se quiser substitua o manjericão seco por fresco picadinho.
Extraído do blog: A cozinha lá de casa.

Nenhum comentário:

CONSUMO DE REMÉDIOS PSIQUIÁTRICOS NÃO AFASTAM, POR SI SÓ, CULPA DE HOMEM QUE AGREDIU IDOSO, DECIDE TRIBUNAL

Publicado por Superior Tribunal Militar O Superior Tribunal Militar (STM) manteve, por unanimidade, a condenação de um sargento da Mari...

AS POSTAGENS MAIS VISITADAS