terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Defensoria Pública garante na justiça cirurgia para assistido de Paraíso

O assistido idoso F.O. teve garantido na justiça o direito da realização de cirurgia de vesícula, de caráter emergencial, negado pelo Plansaúde/Unimed
F.O. procurou a Defensoria Pública de Paraíso do Tocantins alegando que o Plano de Saúde não autorizou a realização da cirurgia de vesícula a laser devido ao Plano ainda encontrar-se no período de carência, e não observado o caráter de urgência do caso.
Diante dos fatos, a Defensoria Pública ingressou com a Ação de Obrigação de Fazer com o Pedido de
Antecipação de Tutela em desfavor do Plansaúde UNIMED, a qual resultou exitosa com a concessão da liminar em favor do assistido.
Extraído de: Defensoria Pública de Tocantins

Nenhum comentário:

BRASÍLIA/DF - NORMAS COLETIVAS DE EMPREGADOS DE HOSPITAIS NÃO SE APLICAM A TRABALHADORES EM CASA DE IDOSOS

Publicado por Tribunal Superior do Trabalho A Terceira Turma do Tribunal Superior do Trabalho não conheceu de recurso do Sindicato do...

AS POSTAGENS MAIS VISITADAS