quinta-feira, 22 de março de 2012

CONSELHO DO SÁBIO: DESVIE-SE DA MENTIRA


“Desvia de ti a falsidade da boca e afasta de ti a perversidade dos lábios”. (Prov 4,24)
Desabafo de uma idosa: “Se pudesse recomeçar, faria tudo diferentes, todos me rejeitam; ninguém me convida para nada”. Para ela o motivo de ser ignorada era a sua boca, pois “Falo mais rápido do que penso”.
Sabemos que as palavras não têm efeitos neutros: Constrói ou destrói.
O sábio Salomão menciona mais de 100 vezes no livro de Provérbios, que há poder nas palavras.
O texto de hoje registra que um dos atos de perversão é a falsidade. A falsidade é mentira e Deus não aceita a mentira porque ela é filha do diabo e o inverso do Seu caráter.
Jesus é a verdade. Quanto ao diabo, certa ocasião Jesus falou: “Nele não há verdade... é mentiroso e pai da mentira.” Jo 8,44.
Desde o Éden, o diabo, motiva os homens a caminharem por veredas falsas, sedutoras e enganosas, maquiando o prazer com falsa felicidade com o proposito de destruir.
Por mais doloroso que seja, seja verdadeiro; dói sangrar e sara.
O mentiroso é como algo purulento, esconde a realidade, mas finalmente morre.
Rogue ao Senhor, ajuda para transitar por veredas verdadeiras a fim de se afastar cada vez mais das veredas falsas onde há penumbra que deforma e confunde a realidade.
Que todos os momentos da nossa vida sejam de ações verdadeiras.
Nunca esqueça o conselho do sábio: “Desvia de ti a falsidade da boca e afasta de ti a perversidade dos lábios.”

Nenhum comentário:

REFLEXÃO - O PRAZER DE OBEDECER

Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios. [...] Antes, o seu prazer está na lei do Senhor, e na Sua lei medita de dia...

AS POSTAGENS MAIS VISITADAS